BLOG

Você se lembra do Projeto Motivar?

Postado em 04.09.2015

0 comentários



Você se lembra do Projeto Motivar? Ele completa quatro anos de existência ativa na vida de muitas crianças da Vila de Ponta Negra, em Natal, Rio Grande do Norte.

A bodyboarder Aline Mello deixou a sua carreira competitiva de lado, disposta a mudar a realidade das crianças da sua comunidade.

Entre as atividades que ela e outros profissionais voluntários oferecem aos alunos, que devem estar matriculados na escola, estão o reforço escolar, a aula de idiomas, de bodyboard, de yoga, de educação ambiental para trazer alegria para a vida destas crianças e conhecimento para que elas possam ter um futuro melhor.

Na aula de bodyboarding quem se destaca é o aluno Erick Richard, de 16 anos, tendo até competido alguns campeonatos. Dedicando-se aos treinos, ele deseja muito ser profissional no esporte. “Eu perdi meu pai faz seis anos e hoje minha mãe trabalha muito para auxiliar nosso futuro. Recebemos a ajuda da minha avó e dos meus tios, mas, no geral, a vida é difícil.” Ele ainda incentivou seu irmão mais novo que também está frequentando as aulas do projeto. Erick diz que ele sempre gostou muito de computador e por isso passava o dia trancado em casa. Todavia, Aline continua incentivando o estudo e a afinidade com a computação.

O Projeto Motivar foi o mais votado do Prêmio Shift Agentes Transformadores, merecendo o primeiro lugar entre os dez vencedores. E a atleta líder desta empreitada também foi selecionada para participar do International Visitor Leadership Program, um programa profissional de intercâmbio na América do Norte com visitas nos Estados Unidos e Canadá.

São raras as pessoas que investem suas vidas no “empreendedorismo social” e o fazem com tamanha responsabilidade, seriedade e compromisso, por isso devemos incentivar e proporcionar as melhores condições para que estas crianças possam ter a chance de uma realidade mais positiva e esperançosa.

A B2BR Bodyboarding Brasil e a Classic Fins apoiam o Projeto Motivar e novamente enviam pés de pato (nadadeiras de borracha) e equipamentos para as aulas de bodyboarding.

Fazer parte da história deste projeto e destas crianças é um grande orgulho!

Parabéns a todos os envolvidos!

Projeto Motivar recebe equipamentos B2BR e Classic Fins Aula de Bodyboarding Fisioterapia preventiva Aula de Bodyboarding Aula de Bodyboarding Aula de Inglês Aline Mello e Debora Nascimento recebem os equipamentos B2BR para as aulas de bodyboarding Aula de Bodyboarding Fisioterapia preventiva Aula de Bodyboarding Aline Mello recebe os equipamentos B2BR para as aulas de bodyboarding Fisioterapia preventiva Aula de Ioga Aula de Bodyboarding
Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

Lewy Finnegan conquistou o título do Antofagasta Bodyboard Festival 2015

Postado em 03.08.2015

0 comentários

O Antofagasta Bodyboard Festival, evento válido pela terceira etapa do Circuito Mundial de Bodyboarding 2015, terminou neste sábado com a definição dos seus campeões.

A janela de espera terminava no domingo, mas a direção de prova finalizou o evento no sábado em decorrência da previsão de uma ondulação grande demais que não permitiria a realização do evento. A marinha chilena tinha a obrigação de preservar a integridade dos atletas e, pela falta de segurança, o evento não poderia ser realizado nestas condições.

Assim, o sábado de competições foi eletrizante! Na categoria masculina, o baiano Uri Valadão buscava o bi campeonato da etapa na final contra o jovem Lewy Finnegan. Mas, o australiano foi melhor na escolha das ondas para vencer a disputa contra o brasileiro. Eder Luciano finalizou a participação na 9ª colocação, tendo sido eliminado pelo campeão mundial Amaury Lavernhe nas oitavas de final.

Entre as mulheres, a cearense Isabela Sousa e a canária Alexandra Rinder travaram uma disputa heroica. Elas haviam optado por realizar a final no domingo, em outra praia, mas acabaram preferindo enfrentar as condições desafiadoras de Nilda. E assim, com manobras fortes, a atleta europeia novamente superou Isabela para liderar o ranking.

A decisão da categoria Pro Junior foi realizada na sexta feira. O brasileiro Sócrates Santana enfrentou o havaiano Tanner McDaniel, e quem levou a melhor foi o brasileiro, coroado campeão desta etapa.





Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

Jared Houston foi o vencedor do Arica Chilean Challenge 2015

Postado em 27.07.2015

0 comentários

A segunda etapa do Circuito Mundial foi realizada na temida onda de Flopos, Arica, que proporcionou boas condições para os atletas que novamente desafiaram a rasa bancada chilena de pedras bastante afiadas.



A final masculina foi disputada entre o sul africano Jared Houston e o francês das Ilhas Reunião Amaury Lavernhe. Amaury venceu a primeira etapa e foi implacável no início desta disputa final. Aos 5 minutos, ele já somava 9,25 e 8,75, deixando Jared em situação de combinação de notas. Somente aos 20 minutos, Jared conquistou 8,50, mas ainda faltava-lhe uma nota 9,5. A 5 minutos do final, Jared foi capaz de executar um grande aéreo e assegurar a nota que faltava. Neste momento, os atletas estavam empatados em 18 pontos. Nos segundos finais, Amaury buscou um grande e extenso tubo, mas acabou não conseguindo encontrar a saída. No critério de desempate, Jared tinha a maior nota e sagrou-se assim o campeão do Arica Chilean Challenge. Eder Luciano finalizou o evento na 17ª colocação.



O grande desafio deste evento foi a realização da categoria feminina pela primeira vez em Arica. A final foi um show entre as campeãs mundiais Alexandra Rinder e Isabela Sousa. A brasileira abriu a bateria com um ARS de 8 pontos, mas não conseguiu conquistar uma segunda nota expressiva. A canária Rinder mostrou que tem desenvolvido muito as suas habilidades, somando nada menos que 9,25 e 9,9 para cravar a vitória! Neymara Carvalho ficou na terceira colocação.








Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

Amaury Lavernhe venceu o Itacoatiara PRO 2015

Postado em 08.07.2015

0 comentários



A primeira etapa do Circuito Mundial APB 2015 teve início nesta semana no Rio de Janeiro, na Praia de Itacoatiara, em Niterói.



A novidade foi a participação dos atletas Pro Junior, sendo o havaiano Tanner McDaniel o campeão desta nova categoria.

Amaury Lavernhe foi o grande vencedor com uma performance espetacular! O bi-campeão mundial conquistou o bi-campeonato na mítica praia carioca!

As condições históricas, com ondas de até 10 pés sólidos, marcaram esta edição do evento, mas dificultaram um pouco a vida dos competidores menos experientes e pouco acostumados com a força desse potente beachbreak. O chileno Yoshua Toledo deixou todos apreensivos quando foi arrastado por uma série de ondas muito grandes que o fez atingir o fundo de areia. Ele chegou a ficar desacordado, foi retirado da água, mas, depois de uma visita ao hospital para um rápido checkup, tudo terminou bem.

Eder Luciano começou sua participação no Round 4 quando as grandes estrelas TOP do Circuito entraram no evento. Neste round não eliminatório, Eder venceu e garantiu sua vaga direta para o Round 6 e seus demais adversários avançaram apenas para o Round 5.

O último dia de competições começou com as duas últimas baterias do Round 6, em condições de ondas menores, com cerca de 6 pés. Eder estava na segunda colocação, mas Helinton Loureiro conseguiu conquistar a pontuação que precisava para garantir a vaga da próxima fase, eliminando Eder.

O campeonato teve sequência com as oitavas de final em formato homem x homem. Nas quartas, três brasileiros ainda defendiam a bandeira verde-amarela na competição, mas somente o local Kalani Latanzi e o baiano Uri Valadão chegaram às semi finais. Amaury Lavernhe parou o carioca local para disputar a grande final com Uri.

Assim, depois de cinco dias de evento, o mundo viu Amaury Lavernhe ser o grande campeão com backflips que lhe renderam 15 pontos, deixando Uri precisando de uma combinação de pontos. Ele foi imbatível, venceu todas as baterias disputadas durante a competição sem deixar margens para seus adversários. Uri Valadão foi o melhor brasileiro na prova, demonstrando um grande nível técnico!

DAY OFF ITACOATIARA PRO 2015 from Itacoatiara Pro on Vimeo.


Highlights Day 1 ITACOATIARA PRO 2015 from Itacoatiara Pro on Vimeo.


Highlights Day 2 ITACOATIARA PRO 2015 from Itacoatiara Pro on Vimeo.


Highlights Day 3 ITACOATIARA PRO 2015 from Itacoatiara Pro on Vimeo.


Highlights Day 4 ITACOATIARA PRO 2015 from Itacoatiara Pro on Vimeo.


Highlights Final Day ITACOATIARA PRO 2015 from Itacoatiara Pro on Vimeo.

Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

Board guide - conheça os modelos Classic e Rebel

Postado em 27.02.2015

0 comentários

Na mais recente coleção de pranchas de bodyboard apresentada pela B2BR, os atletas encontram equipamentos desenvolvidos com medidas e espessura de borda, bem como a configuração de materiais que melhores se adaptam às condições de clima e de onda do nosso país tropical bem como as características que o público mais aprecia em pranchas.

Com a nova variedade de modelos e suas respectivas versões, os atletas também estarão preparados para enfrentar diferentes tipos de ondas durante viagens internacionais com pranchas robustas e por isso de mais larga durabilidade. Isso porque esta nova coleção também trouxe a novidade da tecnologia Skintec que se trata de uma nova película de alta tecnologia, aplicada entre a pele e o bloco da prancha.

Entre os modelos é possível encontrar duas tendências de shape (formato da prancha).

O modelo Classic apresenta medidas, como o próprio nome diz, mais clássicas.

Já o modelo Rebel apresenta medidas mais amplas para aqueles que procuram aqueles shapes de características mais largas, comumente encontradas nas décadas de 80 e 90 e que hoje não são mais fabricadas por outras tradicionais marcas do mercado.

Em ambos modelos, as pranchas são sempre fabricadas com bloco Freedom6, uma versão aperfeiçoada do polipropileno, e dois stringers. As variações estarão na pele e no fundo das pranchas.

Em cada um destes modelos, é possível encontrar três versões distintas para diferentes condições de ondas e clima.

A versão PRO oferece uma combinação para ondas menores, mais cheias, quando o atleta precisa de uma prancha com característica mais rígida para mais atrito e velocidade em condições mais fracas e temperaturas mais quentes, por isso a configuração de pele e fundo de alta densidade.

A versão SUPER PRO altera o fundo de alta densidade para o fundo Surlyn para que o atleta tenha uma prancha um pouco mais maleável em decorrência deste fundo e assim possa usufruir da prancha em condições de ondas um pouco maiores e cavadas, permitindo controle e absorção de impacto em manobras aéreas.

Já a novidade da coleção, a versão LTD, traz o fundo Surlyn e a pele NXL Wave Cushion com contornos para condições de onda ainda maiores, cavadas e água mais fria para que a prancha ofereça um controle de maleabilidade e absorção de impactos em manobras aéreas. E com os contornos da pele, o atleta tem melhor ergonomia para encaixar o corpo na prancha.

Neste “board guide” das pranchas B2BR, você consegue visualizar as principais características das pranchas em um quadro comparativo e resumido de cada um dos modelos.

Conheça os materiais de cada modelo para o bloco, fundo e pele; as características de cada modelo como stringers, rabeta, canaletas, nose bulbs, contorno de deck, rigidez da prancha para os tamanhos de ondas mais indicados. Inclusive as cores e tamanhos disponíveis para cada modelo.

Este novo guia é uma ferramenta muito útil para você escolher sua nova prancha e assim montar seu quiver com pranchas de diferentes características para que você possa usufruir o que de melhor cada prancha pode lhe oferecer para cada condição que você irá enfrentar!

Guia de pranchas - B2BR Rebel
Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe
TV B2BR
mais videos

B2BR