BLOG

A família dos pés de pato Classic Fins cresceu

Postado em 27.11.2014

0 comentários



O novo modelo simétrico visa oferecer mais conforto aos atletas das mais diversas modalidades esportivas que utilizam nadadeiras como bodyboarding, bodysurfing, kneesufing, salvamento e resgate, natação, travessias de águas abertas, entre tantos outros.

Desenvolvido a partir do tradicional formato simétrico de nadadeiras de superfície, é extremamente leve, hidrodinâmico e confortável. Fabricado em borracha natural vulcanizada, oferece conforto e desempenho para ampliar o movimento da batida de pés na linha de superfície.

Este modelo também é usado por grupos de salvamentos, sendo visto em muitas praias de todo o Brasil.

Esse formato é a opção ideal para quem não consegue se adaptar ao uso de modelos assimétricos, pois a combinação da borracha macia com um foot pocket amplo, alças mais finas, aliados a um peso reduzido, proporcionam o máximo de conforto que uma nadadeira pode oferecer.

Boas ondas de Classic Fins!

Adquira o seu com FRETE GRÁTIS AQUI.

Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

João Zik e sua Classic Super Pro

Postado em 16.09.2014

0 comentários

O mais novo team rider da equipe B2BR, o atleta local de Itacoatiara, João Zik, estréia sua prancha B2BR modelo Classic SUPER PRO.

Este modelo oferece características de maleabilidade intermediária, pois mescla os atributos de uma prancha rígida pelo bloco Freedom6, dois stringers e pele crosslink com as propriedades de flexibilidade que o fundo Surlyn proporciona.

Esta combinação traz uma prancha para ser usada no dia a dia, quando as características de ondas sejam normalmente cavadas e fortes e quando se faz necessária a absorção de impacto em manobras aéreas.

Uma vez que a prancha tem em sua configuração a nova camada Skintec, todo este conjunto lhe oferece ainda mais durabilidade ao equipamento.

"A B2BR Classic SUPER PRO é uma prancha que me responde imediatamente. Ela é rápida e faz com que eu chegue nas rampas com mais velocidade, por ser mais estreita. Tenho me adaptado super bem com ela nos mares um pouco maiores e com as ondas mais buraco. Com certeza, quando o mar subir, será ela a minha companheira. Adorei surfar com ela no último swell aqui em Itacoatiara, esta aprovada para as bombas e os voos! " conta Zik entusiasmado!

Conheça e adquira agora mesmo sua Classic SUPER PRO para dropar as ondas mais perfeitas com o melhor equipamento!

Curta as fotos clicadas por Felippe Caçula.

João Zik João Zik João Zik João Zik João Zik João Zik
Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

João Zik debuta sua prancha Classic LTD

Postado em 06.08.2014

0 comentários

João Zik, o mais novo atleta da equipe B2BR, estreou algumas de suas novas pranchas durante a etapa do circuito mundial realizada em Itacoatiara, praia onde ele compete desde os 12 anos e integra o seleto grupo de locais.

Dessa forma, sua responsabilidade por uma boa performance aumenta e, para o auxiliá-lo nesta dura tarefa, ele conta com um quiver de equipamentos desenvolvidos para qualquer condição de onda e temperatura.

Durante o evento, a prancha que Zik escolheu para competir foi a Classic LTD, uma novidade na marca B2BR. Este modelo conta com as melhores matérias-primas do mundo, sendo a melhor opção para ondas pesadas e fortes como as que quebraram durante o campeonato.

A combinação de pele wave cushion e o fundo Surlyn tornam a prancha mais flexível, mas o bloco Freedom6 e sua espessura mais grossa, os dois stringers de carbono, e a novíssima camada Skintec mantém a rigidez da prancha, oferecendo assim o melhor das pranchas importadas combinada com as características das pranchas brasileiras, o que é muito importante para garantir um desempenho melhor que as pranchas importadas em nosso clima e tipo de ondas mais tropicais. Este modelo também conta com os contornos de deck e nose bulbs para melhor encaixe do corpo e das mãos sobre a prancha, possibilitando uma perfeita ergonomia.

Zik comenta que, entre as características desta prancha, a que ele ressalta é a absorção de impacto nas manobras aéreas, permitindo que ele execute as manobras com sucesso! Sabe-se que é muito complicado adaptar-se a um novo equipamento, mas ele conseguiu fazer isso com tamanha rapidez e já competir o mundial, sendo, inclusive, um dos grandes destaques do evento.

É uma prancha mais estreita, porém, ao mesmo tempo, com a área necessária em sua parte central para que a aterrissagem das manobras seja feita com sucesso. Tem me respondido super bem nas cavadas e me suporta totalmente na volta das manobras aéreas, evitando que eu erre as manobras durante minha rotina de treinos e competições. O material de qualidade é super resistente e tem me dado todo suporte aqui nas ondas cascudas de Itacoatiara!

Isso demonstra a superioridade das pranchas B2BR frente às concorrentes nacionais e importadas, pois a configuração de cada prancha foi desenvolvida pela equipe de atletas ao longo de mais de 10 anos de competição de alto desempenho, garantindo uma performance superior nas ondas brasileiras e suas peculiaridades. Muito diferente de uma prancha desenvolvida para características de ondas da Austrália, Europa e Hawaii como as outras pranchas líderes do mercado mundial.

Aproveite e adquira hoje mesmo sua prancha B2BR, desenvolvida especialmente para o Brasil com as melhores tecnologias do mercado mundial!

Conheça as pranchas B2BR AQUI.

João Zik João Zik João Zik João Zik João Zik João Zik durante o mundial de Itacoatiara João Zik durante o mundial de Itacoatiara João Zik durante o mundial de Itacoatiara João Zik durante o mundial de Itacoatiara João Zik durante o mundial de Itacoatiara
Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

Eder Luciano está classificado para as oitavas em Itacoatiara

Postado em 28.07.2014

0 comentários

A segunda feira amanheceu com swell ainda consistente, mas as ondas estavam mexidas em decorrência do vento. Mesmo sem as melhores condições, a direção de prova definiu que a semana começaria com os Rounds 5 e 6.

E assim, no início da manhã, foram para a água os competidores do Round 5, temida fase eliminatória, quando um dos atletas da bateria seria desclassificado do evento.

O local Dudu Pedra terminou sua participação precocemente com a terceira colocação na primeira bateria do Round 5.

Eder Luciano enfrentou Guilherme Tâmega novamente, mas agora, na terceira bateria desta fase. Os brasileiros eliminaram o canário Airam Cabrera.

João Luiz Zik enfrentou Ben Player e Iain Campbell na disputa seguinte, mas não teve muita sorte na escolha das ondas e acabou eliminado na terceira colocação.

Nessa mesma fase, aconteceu a surpreendente eliminação do local Kalani Lattanzi e do carioca Nicholas Bastos, que eram apontados como fortes candidatos a avançar na prova.


No Round 6, as condições de onda tiveram uma certa melhora e com isso as notas de maior expressão voltaram a sair com mais frequência.

Na primeira bateria, o francês Pierre Louis Costes dominou amplamente a disputa e conquistou a vitória, sendo o cearense Roberto Bruno o segundo classificado.

Na terceira bateria, Eder Luciano e Guilherme Tâmega enfrentaram-se mais uma vez, em uma bateria extremamente disputada, que culminou na vitória do carioca. Eder Luciano ficou em segundo na bateria e ambos avançam para a fase homem x homem do evento.

A quarta bateria foi marcada pela eliminação do atual campeão do mundo, o australiano Ben Player. O carioca Sergio Luis e o canário Diego Cabrera fizeram pontuações mais sólidas para garantir presença na próxima fase.

O restante das disputas seguiu sem grandes surpresas, com o melhor desempenho das tradicionais estrelas Uri Valadão, Jared Houston, Francirley Ferreira e Alex Uranga que venceram suas baterias e avançaram no evento para o Round 7 que será disputado no formato homem x homem.

Acompanhe a cobertura especial do Itacoatiara PRO 2014! Fique sabendo das novidades e compartilhe-as com seus amigos na sua rede social preferida!

The Itacoatiara Pro Brazil 2014 - Highlights Day 3 from Sand Filmes on Vimeo.

Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

Domingo de competições em Itacoatiara

Postado em 27.07.2014

0 comentários

Aproveitando ao máximo a janela de swell, a direção de prova colocou os atletas TOP na água neste domingo para as disputas do Round 4 não eliminatório.

Um dia muito importante para as ambições dos atletas, já que a primeira colocação na bateria possibilitava avançar diretamente para o Round 6. Os demais atletas competiriam novamente entre si no Round 5 - “repescagem”. Mesmo longe das condições ideais, o domingo foi recheado de decisões para todos os atletas que continuavam na prova.

Dudu Pedra enfrentou Pierre Louis Costes na primeira bateria, mas acabou não encontrando as melhores ondas, tendo que participar do Round 5. Quem aproveitou o momento foi PLC que, com o maior somatório da competição até o momento, avançou diretamente para o Round 6.

Eder Luciano e João Zik, atletas da equipe B2BR e Classic Fins enfrentaram-se na mesma bateria e infelizmente não encontraram boas ondas nas duras condições de mar e forte correnteza que insistia em estragar o espetáculo. Assim ambos vão participar da repescagem. Quem aproveitou a situação foi o carioca Rafael Paes que avançou diretamente ao Round 6.

Outros atletas que aproveitaram a oportunidade para garantir a vaga do Round 6 foram Magno Passos, David Barbosa, Lucas Nogueira, Jared Houston, Diego Cabrera e Alex Uranga que venceram suas respectivas baterias e esperam pelos “sobreviventes” da repescagem.

As condições de vento pioraram e assim a competição terminou nesta fase, ficando o round de repescagem para a segunda feira que deve trazer melhores condições.

Acompanhe a cobertura especial do Itacoatiara PRO 2014 e saiba das últimas notícias da etapa brasileira do circuito mundial de bodyboarding!
 

The Itacoatiara Pro Brazil 2014 - Highlights Day 2 from Sand Filmes on Vimeo.

Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe
TV B2BR
mais videos

B2BR