BLOG

Quinta feira de competições em Arica

Postado em 21.08.2014

0 comentários



Finalmente, os tão esperados confrontos homem x homem das oitavas de final do Arica Chilean Challenge ocorreram nesta quinta feira, quando os 16 melhores competidores do evento enfrentaram-se em duelos de vida ou morte!

Logo no primeiro duelo, a desclassificação de Uri Valadão frente ao local Alan Muñoz que mantem vivas as esperanças de um vencedor local nessa onda impressionante. Hoje foi o dia com as melhores condições de competição, possibilitando um verdadeiro espetáculo de bodyboarding com tubos e manobras aéreas perfeitas!

Outro brasileiro se despediu da competição na segunda bateria da fase, Hellinton Loureiro enfrentou o campeão mundial Amaury Lavernhe e, infelizmente, não conseguiu a sua classificação.

Na terceira bateria, um enfrentamento de campeões do mundo entre Ben Player e Guilherme Tâmega. Felizmente para a torcida brasileira a história foi outra, com a classificação de GT em uma bateria vencida pela experiência e conhecimento da onda. GT fez um tubo muito profundo que lhe garantiu a classificação frente ao Player desesperado que se jogava em qualquer onda para buscar a pontuação que precisava.

Na quarta disputa, outro brasileiro enfrentou um competidor chileno, Lucas Nogueira contra Sebastian Siede. Lucas conseguiu impor seu ritmo e não deu chances para o chileno, garantindo mais um brasileiro nas quartas de final. Devido ao cruzamento das chaves, ele vai enfrentar Guilherme Tâmega na próxima fase. Por pior que sejam dois brasileiros na mesma bateria, pelo menos estará garantida a participação de um deles na semifinal para conquistar, no mínimo, um terceiro lugar no evento!

O quinto duelo foi, de longe, o mais impressionante e a maior pontuação conquistada em toda a competição. Mike Stewart garantiu 9,77 pontos com um perfeito tubo de três seções, conquistando o expressivo score de 17,93 dos 20 possíveis no auge dos seus 51 anos de vida!

A sexta bateria foi disputada entre o havaiano Jacob Romero e o basco Alex Uranga que, em outro duelo emocionante, lutaram até o final pela classificação. O talento do rider basco prevaleceu e o possibilitou avançar até às quartas de final mesmo com uma margem muito pequena.

O último representante brasileiro a competir nesta fase foi o cearense Roberto Bruno, que enfrentou o campeão mundial Pierre Louis Costes, e por muito pouco não conseguiu a classificação para o próximo round, finalizando sua excelente participação na competição.

O dia encerrou com a realização da bateria entre o australiano Lewy Finnegan e o canário Diego Cabrera. Diego é um grande conhecedor de El Gringo tendo, inclusive já se lesionado seriamente, ficando no país sob observação médica. Porém, esse conhecimento não foi suficiente para deter o impressionante australiano que surpreendeu a todos com essa vitória.

Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

Domingo de competições em Arica

Postado em 17.08.2014

0 comentários

Os atletas Top 16 estrearam hoje no Arica Chilean Challenge no Round 3, não eliminatório, da competição. Com muitas notas generosas e condições não tão clássicas, somente os oito melhores da fase garantiram, confortavelmente, uma vaga direta para o Round 5.

Em uma bateria de quatro atletas apenas o primeiro tem a vantagem de não competir a quarta fase que será de repescagem para os demais competidores.

Uri Valadão venceu com um grande score a primeira bateria, confirmando sua superioridade técnica frente a seus adversários desse round. Guilherme Tâmega também venceu sua bateria com uma pontuação altíssima em um profundo tubo de suas seções, mesmo em uma onda intermediária, que lhe rendeu 9,67 pontos. Nessa mesma bateria, Eder Luciano não conseguiu completar manobras importantes e acabou na quarta colocação tendo mais uma chance de se recuperar no Round 4 junto com o bahiano Israel Salas que terminou na terceira colocação desta mesma bateria.

Mesmo destino tiveram Lucas Nogueira e Hermano Castro na quarta bateria e também Nicholas Bastos e Leo Costa na sétima.

Felizmente, para a torcida brasileira, o cearense Roberto Bruno foi o grande vencedor da última bateria da fase, com direito a um tubo incrível de 9,67 pontos para a esquerda, arrancando gritos de todos os brasileiros presentes no palanque de competição. Na mesma bateria, Magno Passos acabou em terceiro e vai para a repescagem.

Aproveitando as boas condições que se mantiveram depois do meio dia, algo raro em Arica, pois o vento começa a soprar dificultando a realização do cronograma, a direção de prova aproveitou para seguir o evento com o Round 4, onde os segundos, terceiros e quartos colocados da fase anterior lutam pela continuidade na competição. Dois deles classificam-se para o Round 5 e o terceiro é eliminado.

Hellinton Loureiro, Eder Luciano e Lucas Nogueira classificaram-se para a próxima fase ao conquistar a segunda colocação em suas respectivas baterias. Sem a mesma sorte, Hermano Castro e Israel Salas deixaram o evento.

Das oito baterias da fase, somente quatro foram realizadas, pois as séries de ondas começaram a demorar e a força do swell parecia diminuir.

A próxima chamada será nesta segunda feira!

Acompanhe toda a ação AO VIVO no portal da B2BR!

Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

Segundo dia em Arica

Postado em 16.08.2014

0 comentários

 

O segundo dia de competições do Arica Chilean Challenge foi de ação intensa e de grandes resultados para os brasileiros presentes na prova.

Logo na primeira bateria, o baiano Israel Salas e o carioca Hermano Castro estrearam na prova com uma dobradinha de altíssimo gabarito. Em primeiro e segundo lugar, respectivamente, ambos se classificaram para o Round 3, não eliminatório, onde estreiam os atletas Top 16.

Lucas Nogueira venceu a sexta bateria, desviando assim do confronto contra Eder Luciano e Guilherme Tâmega na próxima fase. O capixaba deixou essa dura tarefa para o local Christian Popey que passou em segundo. Leonardo Costa, também do Espirito Santo, conquistou a vaga para o Round 3 com a segunda colocação na última bateria do dia.

As melhores performances do dia ficaram por contra de Diego “el niño” Cabrera e Lewy Finnegan. O canário decolou em um 360 aéreo para fazer 9,67 pontos, a maior nota individual de toda a competição até o momento. E o australiano encaixou um back flip absurdamente alto para a esquerda, completando com um ‘el rolo’ que arrancou gritos de todo o público presente na praia.

O canário Airam Cabrera também conseguiu uma grande onda com duas seções de tubo, combinado com 2 ‘el rolos’, demonstrando grande conhecimento de ondas de fundo de pedra.

Acompanhe a cobertura especial da B2BR, curta o campeonato ao vivo e compartilhe as noticias com seus amigos pela sua rede social favorita!



 

Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

Eder Luciano está classificado para as oitavas em Itacoatiara

Postado em 28.07.2014

0 comentários

A segunda feira amanheceu com swell ainda consistente, mas as ondas estavam mexidas em decorrência do vento. Mesmo sem as melhores condições, a direção de prova definiu que a semana começaria com os Rounds 5 e 6.

E assim, no início da manhã, foram para a água os competidores do Round 5, temida fase eliminatória, quando um dos atletas da bateria seria desclassificado do evento.

O local Dudu Pedra terminou sua participação precocemente com a terceira colocação na primeira bateria do Round 5.

Eder Luciano enfrentou Guilherme Tâmega novamente, mas agora, na terceira bateria desta fase. Os brasileiros eliminaram o canário Airam Cabrera.

João Luiz Zik enfrentou Ben Player e Iain Campbell na disputa seguinte, mas não teve muita sorte na escolha das ondas e acabou eliminado na terceira colocação.

Nessa mesma fase, aconteceu a surpreendente eliminação do local Kalani Lattanzi e do carioca Nicholas Bastos, que eram apontados como fortes candidatos a avançar na prova.


No Round 6, as condições de onda tiveram uma certa melhora e com isso as notas de maior expressão voltaram a sair com mais frequência.

Na primeira bateria, o francês Pierre Louis Costes dominou amplamente a disputa e conquistou a vitória, sendo o cearense Roberto Bruno o segundo classificado.

Na terceira bateria, Eder Luciano e Guilherme Tâmega enfrentaram-se mais uma vez, em uma bateria extremamente disputada, que culminou na vitória do carioca. Eder Luciano ficou em segundo na bateria e ambos avançam para a fase homem x homem do evento.

A quarta bateria foi marcada pela eliminação do atual campeão do mundo, o australiano Ben Player. O carioca Sergio Luis e o canário Diego Cabrera fizeram pontuações mais sólidas para garantir presença na próxima fase.

O restante das disputas seguiu sem grandes surpresas, com o melhor desempenho das tradicionais estrelas Uri Valadão, Jared Houston, Francirley Ferreira e Alex Uranga que venceram suas baterias e avançaram no evento para o Round 7 que será disputado no formato homem x homem.

Acompanhe a cobertura especial do Itacoatiara PRO 2014! Fique sabendo das novidades e compartilhe-as com seus amigos na sua rede social preferida!

The Itacoatiara Pro Brazil 2014 - Highlights Day 3 from Sand Filmes on Vimeo.

Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe

Dudu Pedra, Eder Luciano e João Zik no Round 4 do Itacoatiara PRO 2014

Postado em 26.07.2014

0 comentários

A janela de espera para o segundo evento do calendário do circuito mundial 2014 começou neste dia 25 de Julho. A sexta feira foi day off para os atletas treinarem e prepararem-se para o início das competições neste sábado que prometia melhores condições.

O campeonato começou no segundo Round com a presença massiva de brasileiros. Entre eles Diego Furiatti (Classic Fins) e Emiliano Nieves do Uruguai, Nicholas Chiara da Argentina, Airam Cabrera das Ilhas Canárias e Manea Fabisch do Tahiti que foi o único a não conseguir avançar de fase. Entre os brasileiros, Lucas Faria fez a maior pontuação desta fase 15,50, seguido por Gabriel Oliveira com 14.65 pontos.

No Round 3, entraram os convidados especiais Wild Card. Os atletas locais Dudu Pedra (Classic Fins) e Guilherme Corrêa e o havaiano Tanner McDaniel foram os privilegiados que entraram no evento somente nesta fase.

Dudu competiu contra o português Hugo Pinheiro, o uruguaio Diego Furiatti (Classic Fins) e o baiano Israel Salas que venceu esta disputa da fase. Dudu também se classificou, na segunda colocação.

Na terceira bateria, o local João Zik (B2BR, Classic Fins) tirou vantagem de todo o conhecimento local para fazer a terceira maior nota e pontuação do dia em um lindo tubo para a direita que lhe rendeu 8,50 pontos. Zik venceu a bateria com 15 pontos, sendo Airam Cabrera o segundo classificado.

A competição terminou hoje depois da finalização da sexta bateria desta fase.

Amanhã, o check in está programado para às 7h da manhã para a finalização do Round e então o início do Round 4, não eliminatório, com a presença das grandes estrelas do Circuito como Eder Luciano, Pierre Louis Costes, Amaury Lavernhe, Ben Player, Uri Valadão, Guilherme Tâmega.

The Itacoatiara Pro Brazil 2014 - Highlights Day1 from Sand Filmes on Vimeo.

Comente
0 comentários Comente agora!
Compartilhe
TV B2BR
mais videos

B2BR