BLOG

Ben Player bi campeo mundial

Postado em 07.12.2007

0 coment�rios

Já era previsível que Ben Player chegaria a seu segundo título mundial consecutivo, mas a forma arrasadora que ele o conquistou foi surpreendente. Seu nível técnico é visivelmente superior a todos seus adversários.

Ben iniciou o dia de competições enfrentando o brasileiro Magno de Oliveira na primeira bateria das quartas de final homem X homem.
Magno dificultou as coisas para o australiano. Com um surf muito completo e bonito, conseguiu boas notas e fez Ben trabalhar muito para virar a bateria na última onda! O brasileiro mostrou muita maturidade nesse difícil embate.

Com a vitória, o aussie garantiu o título deste ano. Foi uma grande festa na praia com direito a troféu de campeão, bandeira e uma boa cerveja para brindar! Ben não conseguia voltar para o palanque tamanho foi o assédio dos admiradores canários que tem prestigiado o evento todos esses dias. É impressionante a quantidade de bodyboarders e simpatizantes que nosso esporte tem aqui nas ilhas. Sem dúvida, a nova capital mundial do esporte e realmente merece sediar a última e decisiva prova do circuito!

Na segunda bateria, a segunda das quartas, foi a vez do general da Armada Canária Sr. Ardiel Jimenez, o local mais famoso e respeitado nas ilhas, enfrentar o big rider português Luiz Pereira, o Porquito (bi-campeão do Nazaré Special Edition - evento de ondas grandes realizado na praia do norte Nazaré). Em uma bateria muito inspirada, Porquito conseguiu mostrar o surf que o fez conhecido internacionalmente e avançou de fase. Foi a primeira grande baixa do dia na armada canária.

Na terceira bateria, o matador Richard Diaz surpreendeu a muitos com seus backflips incríveis e tubos muito profundos na rasa e afiada bancada de El Confital. O conhecimento da onda, aliado a uma performance arrasadora fez seu adversário havaiano, Dave Hubbard cumprimentar Richard pela vitória antes de acabar o tempo da bateria! Dave deu o exemplo de como um verdadeiro desportista deve se comportar. Ele é um verdadeiro atleta e se diverte dropando ondas pelo mundo!

Na quarta bateria, Yeray Martinez, o melhor canário do ranking mundial, enfrentou o jovem francês Pierre Louis Costes em uma bateria emocionante! Pierre mostrou extremo domínio da onda e conseguia ondas com 2 ou até 3 tubos, e também seqüências de 4 rolos até o final da bancada!

A quinta bateria foi o embate entre o canário Oliver Herrera e o português Hugo Pinheiro que mostrou excelente nível técnico e avançou a próxima fase! Infelizmente, Oliver, que vinha de ótimas atuações no campeonato, não teve sorte ao selecionar suas ondas e incrivelmente nenhuma abriu para ele!

A sexta bateria foi marcada pela vitória do brasileiro Uri Valadão sobre o explosivo Igor Sanches, outro grande bodyboarder das ilhas. Igor tentou, de todas as formas, barrar o baiano voador, mas Uri voou em backflips e fez grandes tubos seguidos de rolos, tornando-se a esperança de uma vitória brasileira nas Canárias!

Na sétima bateria, o português Jaime Jesus mostrou excelente nível técnico e superou outro canário o local Roberto San Roman em outro difícil embate. Jaime é da nova geração de Portugal, um garoto da Figueira da Foz que está despontando para o mundo, sendo uma das grandes surpresas desse evento!

A oitava bateria das quartas de final foi marcada pela vitória sul africano Mark MaCarthy sobre o vice líder do circuito mundial, o francês das Ilhas Reunião Amaury Lavernhe. Mark, o mais brasileiro de todos os gringos, é companheiro de viagem de Magno e Luis Villar, e é presença garantida na etapa do mundial que será realizada na praia Brava de Itajaí, em março de 2008.

Em seguida, foram realizadas as semi finais feminina mulher x mulher. Na primeira, a brasileira Maylla Venturin enfrentou a australiana Mandy Ziren. Mayla surfou muito e conquistou a classificação para a final e também o vice-campeonato mundial de 2007! Parabéns Maylla!

Na segunda bateria,houve um duelo australiano entre a pequena notável Lilli Pollard e a gigante Kira Llewellyn. Lilli mostrou que tamanho não é documento e surfou excelentes ondas. Kira tentou, mas não conseguiu derrotar a local de The Zone, que somou uma onda de 9,5 pontos.

Amanhã pela manha será Maylla contra Lilli! A sorte está lançada! Façam suas apostas!

Devido às boas condições de mar, os diretores técnicos decidiram realizar as semi finais masculinas que seriam realizadas somente no sábado. Ben Player duelou contra Richard Diaz, o último remanescente da Armada Canária. Foi uma bateria emocionante, pois os atletas se dropavam ondas como se fosse a decisão de suas vidas!

Ben enfrentou um oponente à altura e teve que se esforçar para superar toda a técnica e conhecimento local de Richard! O australiano conseguiu virar o resultado na última onda com um tubaço seguido de uma seqüência de manobras. Ben, campeão mundial, e agora classificado para a final! Richard foi o melhor canário no competição.

A segunda semi foi a batalha entre Uri Valadão e Mark McCarthy. Foi uma bateria incrível, onde o baiano mandou muitos rolos a moda "Tâmega", como comentavam os canários, e seus característicos backflips e tubos. Mark tentou, mas não conseguiu derrotar Uri.

Com isso Uri é o Brasil na final de El Confital Pro, um evento que vai entrar para a história do bodyboarding mundial.

Ben Player X Uri Valadão: quem vence o duelo? Eu já tenho meu palpite, com a caída do swell amanhã ou dá Uri, ou os organizadores adiam para domingo, quando entra um novo swell! Boa noite!

Comente
0 coment�rios Comente agora!
Compartilhe

0 COMENT�RIOS

POSTAR UM COMENT�RIO

Seu coment�rio

Obrigat�rio


Seu nome

Obrigat�rio


Seu email

Obrigat�rio



Seu coment�rio ser� avaliado por nossos moderadores, para que possamos evitar mensagens de spam e de desrespeito com os outros usu�rios do blog.
TV B2BR
mais videos

B2BR